Arquivo agosto, 2005

Coluna nº 161

LOJA MAÇÔNICA
Os irmãos vão brindar os 100 anos da Loja Maçônica Caridade e Luz IV, em 01 de setembro, dia exato do centenário, e elaboraram um “Programa de Solenidades Comemorativas” especial de festejos, que iniciou-se dia 01 de agosto e vai até o 07 de setembro.

No timbre do ofício-convite, está escrito: “Cem Anos levantando templos à virtude e cavando masmorras ao vício”.

O QUE JÁ ROLOU…
Em 01 de agosto, às 20h, Sessão Maçônica Conjunta, com a participação das Lojas Antenor Ayres Vianna, Fidelidade Mineira, Fraternidade Brasileira, Joaquim Gonçalves Ledo, Montanheses Livres, Theodorica, Integrantes do Conselho de Veneráveis Irmão Abdias Ferreira de Oliveira, Tríplice Aliança e União e Força.

Em 20 de agosto, às 20h, Sessão Maçônica Conjunta, com a participação das Lojas Integrantes do Conselho de Veneráveis Irmão Abdias Ferreira de Oliveira, Cavalheiro da Paz, Culto ao Dever, Fraternidade Mineira n. 1, Fraternidade Rio Branquense, José Baesso, União e Esperança, Verdade e Justiça e Obreiros da Paz.

Em 15 de agosto, às 20h, Sessão Aberta, com palestra desenvolvida pela Professora Naide de Araújo Silva Fonseca. Tema: “Ética Profissional”. Pra completar o dia, inaugurou-se a Galeria dos Ex-Veneráveis. (Abrindo parêntese, enfoco que a fala da educadora Naide foi elogiadíssima).

Em 20 de agosto, às 20h, Sessão Aberta, em homenagem ao Dia do Maçom e apresentação do Capítulo União e Força da Ordem De-Moley.

Em 22 de agosto, às 20h, Sessão Aberta, com palestra sobre o tema: “Levantando Templos e Cavando Masmorras ao Vício”, proferida pelo irmão José Vicente Daniel, professor da Academia Maçônica de Letras de JF.

Em 29 de agosto, às 20h, Sessão Maçônica Conjunta, com as Lojas Haroldo da Silva Mendes, Theodorica, Bolívar Duque, Fraternidade Mineira 252, Amor a Ordem e Integrantes do Pacto da Amizade.

O QUE VAI ROLAR…
Em 01 de setembro, às 20h, Sessão Aberta, no Esporte Clube Biquense, com Exaltação ao Centenário e Entrega de Condecorações.

E é aí que eu entro, pois vou ser um dos homenageados, como propagador do nome da cidade de Bicas, por aí afora. Sinto-me contente e surpreso, pois estou mesmo acostumado é a divulgar pessoas.

Ao venerável Ary Sérgio Alhadas, ao presidente da Comissão Organizadora, Dercyr Ranna e a todos os maçons, agradeço a lembrança do meu nome.

Em 03 de setembro, às 08h, reunião para comemorar os 26 anos do Conselho de Veneráveis Irmão Abdias Ferreira de Oliveira.

Em 05 de setembro, às 20h, Sessão Aberta, para uma Confraternização da Família Caridade e Luz IV.

Em 07 de setembro, às 08h, Inauguração do Marco do Centenário, na Praça da Maçonaria e, às 09h, participação na Parada Cívica do “Dia da Independência do Brasil e da Emancipação Política e Administrativa do Município de Bicas. Às 13h, Confraternização e Encerramento, no Salão de Festas da Loja.

ELA É UMA PARADA
A advogada Aidê Galil defendeu tese de mestrado na UERJ, sendo recomendada a publicação. Recebeu nota máxima. Grau dez, com distinção e louvor. Aprovada!

Proposição apresentada: “O Estatuto da cidade: as condições de possibilidade de realização da função social da cidade e a conseqüente realização do conceito de cidadania”.

Pra relaxar, Aidê desfilou em um dos trios elétricos da Parada Gay, em JF, representando a ONG Cidade Viva.

PALLAZZO DI FIORI
Toda vez que se fala Pallazzo di Fiori… é luxo só, porque é o Salão mais bem equipado da região, para todos os tipos de festas e eventos.

Uma solução inteligente! No di Fiori, os festejadores encontram tranqüilidade, requinte e sofisticação, nos momentos mais importantes da vida e dos negócios.

Tudo isso, em Bicas, no aconchegante Bairro Santana. Contatos: (32) 3271-2493 e (32) 9935-9994.

Na foto, a beleza da fachada principal do Salão Pallazzo di Fiori…

ECA
O Conselho Tutelar de Bicas e a Secretaria Municipal de Assistência Social promoveram solenidade, na Câmara Municipal, para comemorar os 15 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente.

Presenças: autoridades municipais, coisa e tal…

Discursando, o padre Cássio lançou: “… É importante se criar políticas públicas para tirar a criança e o adolescente biquenses das ruas, criando espaços culturais e até mesmo oficinas para que possam aprender alguma profissão…”

Aí vem a perguntinha inócua: Ué… com 15 anos de ECA, ainda não tem isso?

TRABALHO CIENTÍFICO
O dr. José Jamil Adum, professor e coordenador da FCGB (Faculdade de Ciências Gerenciais de Bicas) apresentou, com êxito, na USP (São Paulo), dia 12 de agosto, um trabalho científico, cujo assunto foi “A Administração da Produção como Ferramenta de Vantagem Competitiva”.

SEGUNDA MOSTRA
Encerrou, dia 16 de agosto, a Segunda Mostra de Artes Visuais exposta no Instituto do Patrimônio Histórico José Maria Veiga. A iniciativa pertenceu ao irrequieto Alex Mendes, Diretor do Departamento de Cultura da Prefeitura de Bicas.

Só tinha artista fera, na tela: Vicente Gouvêa, Taíze, Francisco Severino, Guilherme, Patrícia Gomes e Sidney Barino.

D. ZÉLIA
A Prefeitura de Bicas, através do prefeito Honório de Oliveira, reconhecendo a importância do trabalho e da participação na vida comunitária da cidade, homenageou algumas famílias com placas distribuídas no Parque de Exposições.

O nome Zélia Monteiro da Silva Rebouças foi dado à Sala de Administração. Os filhos, Maria Angélica e Amílcar Rebouças, marcaram presença, assim como, alguns familiares. Na foto, as netas Thereza e Mariana, filhas de Vitória e Amilquinha.

CORREIO ELETRÔNICO
Zé… tudo bem?
Até que enfim consegui seu novo endereço. Agora poderei ler mais notícias de Bicas.

Estive com o Marcelo Barreto (filho do Vaguinho) aqui em Leverkusen (Alemanha), na Copa das Confederações, e fizemos uma reportagem sobre o Estádio e, também, sobre todos os jogadores que passaram pelo gramado alemão. Muito interessante mesmo como o mundo é pequeno: na Alemanha se encontrarem, para acompanhar a nossa Seleção, dois rapazes que cresceram juntos em Bicas.

Eu, no momento, sou tradutor oficial do Bayer 04 Leverkusen, trabalhando com Juan, Roque Jr. e Athirson, já que o França nos deixou na semana passada, em direção ao Japão. Fiquei muito contente em receber o Marcelo. Fomos juntos até a grande final contra os gringos, em Frankfurt, debaixo de uma chuva que, no Brasil, a gente só vê em Iriri, ES; mas, valeu a pena.

Se desejar ver mais fotos do treino da Seleção Brasileira aqui em Leverkusen, é só acionar o site do Bayer: www.Bayer04.de, no quadro Fotogalerie, à esquerda.
Estou mandando algumas fotos do meu trabalho aqui com a garotada da Seleção. Foi coisa do outro mundo.
Até a próxima. Abraços na galera biquense.
José Carlos Rodrigues de Freitas
Bayer 04 Leverkusen
Alemanha

Na foto, o artilheiro Adriano e Zé Carlos

UFJF/BICAS
Desde o primeiro encontro entre a reitora da UFJF, Margarida Salomão, e o prefeito Honório de Oliveira, o sonho de Bicas tornar-se Pólo Universitário Regional da UFJF faz parte da pauta de trabalho do gabinete e da secretaria de Educação.

Após diversas reuniões, assinou-se, em 24 de junho, o convênio entre o Município e a Universidade.

De acordo com o convênio, foram implantados os cursos de Matemática e Pedagogia. O vestibular realizou-se, em 21 de agosto, e a aula Magna está prevista para 7 de setembro.

Já estão conveniadas, também, as cidades de Pequeri, Mar de Espanha, Guarará e Senador Cortes, com a previsão da participação de mais nove municípios consorciados.

A equipe coordenadora da UFJF, visitando Bicas, escolheu o local da sede dos trabalhos, e o prefeito determinou o início das obras, para atender às necessidades dos cursos e às exigências do convênio.

Mais informações podem ser obtidas com a secretária de Educação, Maria do Rosário Marques Agrelli.
Adaptada da nota original de Léa Alves de Castro

Coluna nº 160

EXPONDO A EXPÔ
A Prefeitura, a SS Produções e Eventos e a Casson mandaram bem, aproveitando a iniciativa da administração anterior de promover três shows pagos e o restante gratuito. O que é bom tem de ser levado adiante, independente das correntes partidárias… Pra completar, a administração municipal construiu mais um galpão, pintou e faxinou geral…

O povão correspondeu e, apesar das péssimas condições das estradas, os visitantes “chegaram juntos”… Agora, em pelo menos duas apresentações (que eu vi), ninguém mereceu a sacolejada, a trepidação e o som sem qualidade do Palco 2. Até o presidente da câmara foi reclamar e ouviu como resposta: “Está tudo dentro da normalidade”… O ponto negativo da “gastronomia exposicional” se deu com a falta do Angu à Baiana da escola de samba da parte baixa, que não pôs Barraca. Cadê a Real Biquense, gente!…

O padre Cássio, no domingo último da festa, lá da Matriz, com a classe e a inteligência, que lhe são peculiares, refletiu sobre o fato de um conjunto ter lançado “maconha” pra moçada. Disse que não há necessidade desse tipo de apresentação e perguntou onde estão os pais e as famílias… Afirmou que um médico amigo dele atendeu, “nas madrugadas”, vários jovens drogados. Muitos levados pelos próprios pais… E o “discurso” do Rappa, em pleno palco, que coisa: “PT de m….”, “Políticos de m….”, “Estrada de m….”…

O gado estava uma belezura, e o rodeio ganhou motivação especial com a presença da simpática Mara Magalhães… (E o nosso amigo, hein, ciceroneou a Mara, além dos limites)… Para a realização da balada, foram mobilizadas 300 pessoas… Cinco restaurantes, 30 barracas-bares e 3 pontos sanitários cooperaram com o descarrego da galera… Quatro pavilhões na área: o primeiro, industrial, contou com 20 stands, muito bem organizado – mais uma vez – pelo secretário-executivo da Asscom, Paulo José Ferreira da Fonseca… o segundo, do concurso leiteiro, recebeu 24 vacas… o terceiro, do gado de elite, abrigou 90 reses… e o quarto, acolheu 30 cavalos…

Pavão, faisões, ovelhas e pôneis, também, pisaram no pedaço… Valéria, a vaca do Victor Paulo C. Silva, com 241,500 kg, em três dias, “mamou” o primeiro lugar… Além do destacamento da PM, incluindo a polícia montada, houve a contratação de 50 seguranças particulares… Enfim, tirando e botando, sucesso total…

PRESENÇA
Curtindo e divulgando a festa máxima, Claudinha Longo e Alex Mendes (Diretor de Cultura da Prefeitura de Bicas), clicados pelo fotógrafo Hande…

CONDECORAÇÃO
Na comemoração dos 230 anos da Polícia Militar de Minas Gerais, no Cine Theatro Central, em JF, o biquense, subtenente Wantuil de Almeida Costa, lotado na “capital da Zona da Mata”, recebeu a mais alta comenda da Corporação: Medalha Alferes Tiradentes.

Pra completar, o militar foi condecorado com a Medalha Mérito Militar Grau Prata e até recebeu cumprimentos do prefeito Alberto Bejani.

TROCA TROCA
O vereador Jorge Luiz Ribeiro (Dondinho) trocou o “C” pelo “B”. Deixou o PTC (Partido Trabalhista Cristão) e ingressou no PTB (Partido Trabalhista Brasileiro).

CUMPRIMENTOS
Meus cumprimentos aos leitores assíduos da Coluna, em JF: Danilo Campos e Aluisio de Oliveira.

BODAS DE OURO
O marcante casal, Myrian e Dalton Curzio, brindaram 50 anos de convivência, na Igreja Menino Jesus de Praga, em JF. A celebração ganhou em emoção, na voz e nos gestos do Monsenhor Oswaldo Ribeiro Lage, amigo do casal.

Os filhos Daltinho, Ângela, Heloísa, Walter e Francisco, com suas respectivas e respectivos, aplaudiram os pais.

DUAS RODAS
No feriado de sete de setembro, Bicas vai estrondar. Está marcado para esse dia o Terceiro Encontro Nacional de Motociclistas.

CASAMENTO
Roberto Ricieri Ribeiro e Wanessa Amorim de Oliveira (filha de Wânia Lamha Amorim de Oliveira e Marco Antônio Marques de Oliveira) casaram-se, dia 11 de junho, no Ritz-Carlton de Key Biscayne, nos Estados Unidos.

CORREIO ELETRÔNICO 1
Zé, tô amando ler sua coluna. Descobri você na Internet. Meu nome é Helena, sou de Bicas. Ou melhor, cresci aí, mas atualmente resido em Santos-SP. É muito bom poder saber notícias da cidade.

Pena que a maioria das pessoas de quem você fala eu não conheço. Estou curiosa pra conhecer o Bar do Gilmar.
Parabéns pelo site, espero que continue assim.
Abraços,
Helena Rosa

GOSTOSA, CABOCLA E BEIJA-FLOR
Os empresários Ivan Rocha Manso e Geraldino Rocha aproveitaram a 35a. Expô/Bicas e apresentaram ao público as cachaças de qualidade: Gostosa, Cabocla e Beija-Flor… Na foto, promovendo o produto, Paulo José (Asscom), Geraldino e Rita do Salim.

CORREIO ELETRÔNICO 2
Prezado Zé Arnaldo.

Lendo a nota da sra. Luzia Aparecida da Silva Salomão (edição 159), na sua coluna, sobre o “RICO” BAIRRO SANTA’ANA, gostaria de acrescentar ainda:

“Rico de cães barulhentos… Rico de poluição sonora… Rico de escombros… Rico de pragas… Pobre de soluções… Pobre de nós…”.

Em Bicas nasci (muito me orgulho disso) e não troco minha cidade por lugar algum desse mundo.
Aqui nesse bairro sempre morei, e ainda não havia presenciado tão absurda falta de respeito como está acontecendo no Bairro Santana.

Vi muitos circos chegando e muitos indo embora. Vi muitas peladas nos campinhos das ruas do meio (é assim que chamamos a rua que liga Eng. Pedro Drumond, Pref.Oliveira Souza e Zima de Souza). Vi muitos que já se foram e que amavam esse bairro. Aqui estudei, aqui brinquei e aqui levarei a última imagem desse bairro. Todos gostariam de aqui morar, pois eu sempre digo que em Bicas só existia o centro e o Bairro Santana, onde todos dizem morar.

A sra. Luzia ao escrever “Ricos somos nós que temos amigos-vizinhos!”, disse a maior preciosidade. É o que ainda nos resta. Isso nunca poderão sujar.
É lamentável o que estão fazendo com o nosso bairro, a começar pelo desleixo da atual administração. O que nos conforta é não ser uma questão política, e sim, uma questão de má educação do poder público.

Não adianta limpar as ruas do centro e deixar os bairros sujos. É como lavar a boca e sorrir amarelo.
Marcos Vinicius de O.Gomes

MANCHESTER
A Loja Maçônica Manchester Mineira, de JF, promoveu recentemente animada festa caipira na Chácara Maloca (foto), que fica na região do Salvaterra, do amigo José Marcos Ribeiro da Fonseca. Com o sucesso da iniciativa, os “irmãos” prometeram: “Todo ano, agora tem…”

CONSELHO DA COMUNIDADE
O Conselho da Comunidade da Comarca de Bicas comprometido com a ação, construção e ressocialização da comunidade carcerária, em seu segundo ano de serviços prestados à comunidade, realizou, no dia 24 de junho deste ano, no Clube Biquense, a Primeira Audiência Pública, onde discutiram os pontos de conflitos e tensão com relação à cadeia pública e à segurança social dos municípios da Comarca de Bicas.

Como representantes, estavam presentes à mesa, o sr. Geraldo Archanjo, presidente do Conselho; dra. Ana Maria Lammoglia Jabour, Juíza de Direito da Comarca de Além Paraíba; Ivani Itaboray, Presidente do Conselho de São João Nepomuceno; dr. Paulo César Corrêa, Delegado de Polícia de São João Nepomuceno; Capitão Ramos, Comandante da 136a Cia. da PM; Léa de Castro, Secretária de Governo da Prefeitura de Bicas, representando o prefeito Honório de Oliveira; Ivo Reinaldo Christ, Professor e Advogado; Dr. Paulo César Rossi, Superintendente da Saúde de Bicas; Domingos Atademo, Vereador em Guarará, representando o prefeito Lair Silvas; Elayne Ferreira Cremonizi, Presidente da Asscom e o Dr. Wuppschlander Ataliba Lage, Delegado de Polícia de Bicas.

O Conselho da Comunidade da Comarca de Bicas foi criado e instalado, em 5 de novembro de 2001, pela MM. Juíza de Direito da Comarca, naquela época, Dra. Ana Maria Lammoglia Jabour, conforme portaria n. 022/2001. É uma sociedade civil, sem fins lucrativos, instituída como Órgão da Execução Penal para colaborar com as autoridades judiciais e policiais, tendo como tarefa a inserção e readaptação social dos sentenciados e presidiários, bem como daqueles cumpridores de penas alternativas, tendo como objetivo a reintegração social dos apenados e de suas famílias, que também sofrem exclusão social.

A secretária de governo Léa de Castro agradeceu a todos que de alguma forma estão ajudando o projeto e falou da importância do conselho para que o desenvolvimento aconteça de forma sustentável, mas, com total segurança e entregou ao Delegado, Dr. Lage, a chave da viatura da polícia, que se encontrava em péssimas condições, totalmente reformada.

Em seguida, o jornalista e radialista Deusdeth de Paula Rodrigues, apresentou um documentário “Conhecendo Nossa Cadeia Pública”, com depoimentos de presos e do Delegado Dr. Lage, sobre a importância do conselho para a reintegração social dos condenados à comunidade.

O presidente do conselho, Geraldo Archanjo, agradeceu a ajuda que vem do Poder Judiciário, dos prefeitos das comunidades de Bicas, Maripá, Guarará e Pequeri, dos empresários e, principalmente, da sociedade. A dra. Ana Maria Lammoglia Jabour disse estar emocionada pela força do conselho, pois só o que fez foi: ‘Plantar uma semente em terra fértil, que é a comarca de Bicas”, e espera que todos continuem ajudando para que bons frutos sejam colhidos.

O secretário de Assistência Social Aloysio Borges (Loro) propôs de o conselho trabalhar junto com o Estatuto da Criança e do Adolescente para que os problemas com os menores infratores sejam resolvidos a partir de medidas educativas e fez ainda a doação de uma máquina de Silk Screnn para a cadeia pública, sendo esta mais um meio de renda para os presos, já que a prefeitura municipal já havia doado uma máquina de fazer tijolos.

Com essas iniciativas, é preciso que a comunidade participe mais da segurança pública, denunciando infrações e ajudando os policiais no exercício de seu trabalho.
Fonte: jornal O Município – Glawcy J. A. Oliveira

Arquivos
Categorias